Curabitur ultrices commodo magna, ac semper risus molestie vestibulum. Aenean commodo nibh non dui adipiscing rhoncus. Aliquam ullamcorper posuere turpis, in feugiat risus posuere vel. Ut velit urna, auctor at aliquam sit amet, rutrum vitae diam.

Curabitur ultrices commodo magna, ac semper risus molestie vestibulum. Aenean commodo nibh non dui adipiscing rhoncus. Aliquam ullamcorper posuere turpis, in feugiat risus posuere vel. Ut velit urna, auctor at aliquam sit amet, rutrum vitae diam.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Mauris urna risus, adipiscing sit amet tempor sed, mollis eget ante. Etiam pellentesque ornare nulla. Suspendisse tellus leo, tincidunt sed convallis at, tristique ac ligula.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Mauris urna risus, adipiscing sit amet tempor sed, mollis eget ante. Etiam pellentesque ornare nulla. Suspendisse tellus leo, tincidunt sed convallis at, tristique ac ligula.

Pellentesque dapibus elit sed nibh imperdiet tincidunt. . Mauris urna risus, adipiscing sit amet tempor sed, mollis eget ante. Etiam pellentesque ornare nulla. Suspendisse tellus leo, tincidunt sed convallis at, tristique ac ligula.

Curabitur ultrices commodo magna, ac semper risus molestie vestibulum. Aenean commodo nibh non dui adipiscing rhoncus. Aliquam ullamcorper posuere turpis, in feugiat risus posuere vel. Ut velit urna, auctor at aliquam sit amet, rutrum vitae diam. Maecenas elementum lacus tincidunt neque luctus rhoncus a nec eros.

Transcrição do Artigo "A ARTE INDICIA O FUTURO?", de Clotilde Perez, publicado na Revista CASA E JARDIM - página 138 - AGOSIO - 2017 - Coluna DELEITE - SENTIDOS DO HABITAR 

Aprendi que a arte, em toda a sua diversidade expressiva, aponta o futuro.
A sensibilidade do artista para sentir o espírito do tempo faz transbordar na sua criação o porvir, em manifestações nem sempre óbvias, mas decifráveis aos espíritos investigativos mais sofisticados e sensíveis. 
Bem, se essa premissa é verdadeira, não estamos nada bem. 

Recentemente, a mídia vem divulgando, com ares de “novidade”, a implantação no SUS - Sistema Único de Saúde, de técnicas (pejorativa e erroneamente chamadas de…) “alternativas” / “complementares”, tais como Yôga, Reiki e ARTETERAPIA, sendo esta última, a que mais abordarei neste artigo.
 
Transito entre dois universos com muitos pontos em comum: sou Artista (em especial, atuando com artes plásticas e fotografia) e Terapeuta Holístico (psicanálise, terapias corporais, tradicionais chinesas e ARTETERAPIA, dentre várias outras técnicas).
 
Pois bem, se eu quisesse atender no SUS com estas “novas” técnicas, teria que “apelar” para ainda mais OUTRA profissão para qual estou legalmente habilitado: Educador Físico!
 
Pasmem, mas é isso mesmo: para trabalhar com Arteterapia no SUS, você NÃO pode ser, nem Artista (!), nem… Arteterapeuta (!!??)...

Todos conhecem a sofrida história pessoal de Vicent Van Gogh.O que poucos sabem é se sua contribuição, indireta, para a ARTETERAPIA.

Nos locais que lhe foram fonte de inspiração (e até de internação...), hoje florescem aulas de pintura e atendimentos terapêuticos por meio da ARTE.Recentemente, aproveitando de intervalos entre compromissos, tive o privilégio de espairecer nos mesmos campos e paisagens por onde Van Gogh trilhava.Foi uma ótima oportunidade de reflexão sobre a importância da ARTE como ferramenta de acesso ao inconsciente.

Caminhando pelos campos de Lavanda (este tópico abordarei em detalhes, em futuros artigos sobre Aromaterapia e Fitoterapia...) e Girassóis, na região de Provence / França, é fácil compreender a fascinação que despertam em mentes brilhantes como a de Van Gogh.Para quem não tem experiência de consultório, parece impossível não ficar feliz e em paz, perante tamanha beleza.

Contudo, um Terapeuta Holístico nem se surpreende que, mesmo em um local paradisíaco, Van Gogh sofria intensamente.Sem encontrar a si na religiosidade, mal conseguindo manter seu sustento em empregos singelos, sem realização na vida afetiva e, até mesmo como artista, vendeu apenas um quadro enquanto vivo...

Quanto poderia ter sido diferente, SE Van Gogh tivesse acesso à Terapia Holística.Com o Aconselhamento terapêutico adequado, quem sabe teria superado seu vício em absinto, que tanto prejudicou sua sanidade...

Vivências certamente auxiliariam sua busca pela transcendência.

Com tamanha abundância de ervas aromáticas à sua volta, a Fitoterapia teria sido de grande valia.

Correndo o risco de parecer piada de mal gosto, ouso afirmar que a Auriculoterapia poderia ter evitado alguns dos problemas pelos quais passou.

De todo o leque de técnicas à disposição de nós, Terapeutas Holísticos, uma delas se elege a, em tese, mais indicada a este Cliente tão especial: a Arteterapia.

Interrompi a caminhada, parando em um ângulo de visão semelhante ao que Van Gogh utilizou para pintar a imagem que ilustra este artigo.

Fotografia recente do Jardim em Arle
Imagem recente do jardim em Arles
Fotógrafo: Henrique Vieira Filho
Jardim - Quadro de Vicente Van Gog
Le Jardin De L’Hopital D’Arles
Obra de Vincent Van Gogh
 


Como fotógrafo e artista digital, enxergo a beleza estética e técnica de seu trabalho.Contudo, como Terapeuta Holístico, devo ir além da avaliação técnica, e abrir a possibilidade de interpretação.A pintura contém o inconsciente projetado e somente o próprio autor tem acesso ao seu significado pessoal.

Na Terapia Holística, criamos condições para que o Cliente interprete a si, processo este catalizado por técnicas de relaxamento e induções verbais e via toque.

Sem acesso ao artista, só nos resta um exercício de intelectualidade e tecer algumas hipóteses sobre seu momento.Para as pessoas à sua volta, transparecia um indivíduo perturbado, algumas vezes até incapacitado para o convívio em sociedade.

Sua Arte, contudo, apresentava grande vivacidade e transmitia a beleza intensa que o circundava.Ainda que seu consciente só se desse conta das misérias de sua vida pessoal, a verdade é que seus quadros comprovam seu potencial inconsciente para enxergar a vida sob um ponto de vista transcendente.

Creio que a Terapia Holística conseguiria integrar esta capacidade ao seu dia-a-dia, criando condições para ser feliz.Muitos de seus quadros foram produzidos durante suas internações voluntárias.É de se cogitar que a Arte tenha sido sua atividade terapêutica mais eficaz.

A humanidade lamenta a desatenção com que tratou um de seus gênios.Tardiamente compreendido, seu trabalho despertou olhares mais atentos às pessoas que eram submetidas às internações, em todo o mundo.

Graças a essa nova visão, a Arteterapia passou a integrar os recursos à disposição daqueles que procuram respostas sobre si mesmos.

Cartaz na entrada da casa de repouso - Fotógrafo: Henrique Vieira Filho

Ao passar na casa de saúde em que Van Gogh se internou, tive o prazer de constatar que, desde 1995, existe a opção de atendimento terapêutico via ARTE.

Nos dias atuais, as pessoas VOLUNTARIAMENTE optam por passar lá uma temporada para desestressar, sendo encorajadas a enveredar pela pintura, inspiradas pelas mesmas paisagens que apaixonaram Van Gogh.

Os quadros podem ser colocados à venda, para os visitantes, sendo parte da renda para quem pintou, e parte para financiar o projeto.

A terapia artística é coordenada pela Associação ValeTudo, uma entidade sem fins lucrativos, que propõe a ARTE como caminho terapêutico e igualmente atua como polo congregador de artistas.

Interessante que, em um breve intervalo entre compromissos, sem que tivesse planejado, o universo me proporcionou “sentir” a vida deste cultuado artista e me recordar o valor da Arteterapia.

Prometi a mim mesmo voltar, desta vez, especialmente para tomar contato com a magnífica floração dos campos de lavandas e girassóis e de conhecer mais de perto, a evolução dos tratamentos pela ARTE.

Complemento este artigo com as imagens que seguem: dois quadros de girassóis.Um deles, de Van Gogh, estimado em valor monetário na casa de milhões...

O outro, sem avaliação no mercado, pintado em sessão de Arteterapia, por uma singela dona de casa, nos atendimentos comunitários gratuitos coordenados pelas Organizações de que participo...

O que ambos tem em comum, além do tema, é que seu valor terapêutico é incomensurável, já que os dois são o retrato de suas almas, no momento em que foram criados.As histórias de vida impressas nas pinceladas, só podem ser lidas por seus autores.

Cabe a nós, Terapeutas Holísticos, a honra de sermos as lentes focais que ajudam nesta leitura transcendente.
Girassóis - Van Gogh  
Imagem de um dos famosos girassóis
pintados por Van Gogh 
Fotógrafo: Henrique Vieira Filho
Imagem de girassóis pintados por
um morador de Novo Horizonte / SP, durante atendimento comunitário com Arteterapia
  Henrique Vieira Filho
Henrique Vieira Filho

Para esse artigo, gostaria de convidar a todos a fazer um embarque mental, peço que leiam o texto e se imaginem nesse caminho, se coloquem nesse avião, escolham esse destino, escolham a música, as cores e façam esse passeio.

NewsLine is a full functional magazine news for Entertainment, Sports, Food website. Here you can get the latest news from the whole world quickly.

Photo Gallery